Apresentação

O Imaginalis - Grupo de Estudos sobre Comunicação e Imaginário é um espaço de investigação de temas focalizados em sua dimensão arquetípica, mítica, simbólica.

Tendo na tradição de Gaston Bachelard e Gilbert Durand a inspiração fundante, Imaginalis se inaugura com trabalhos na área da Comunicação, debruçados sobre a Fotografia e o Cinema, e se abre para pesquisas multidisciplinares, estabelecendo relações com as várias áreas do conhecimento, a elas unido pelo “tecido conjuntivo” que é o imaginário.

A transdisciplinaridade se faz presente, pois é levando em conta também o conhecimento construído além das disciplinas que se torna possível uma aproximação do imaginário, já que este é o “capital pensado e impensado do Homo sapiens” (Durand).

Assim, ao rigor metodológico se une a polissemia do pensamento por imagens, buscando-se o equilíbrio da coincidentia oppositorum que negocia com as diferenças sem apaziguar contradições.

É de fato o imaginário que aparece como recurso supremo da consciência, como coração vivo da alma cujas diástoles e sístoles constituem a autenticidade do cogito. O que subtrai o ‘eu penso’ à insignificância do epifenômeno ou ao desespero do aniquilamento é precisamente este ‘para si’ eufemizante revelado pelo estudo do imaginário, e contra o qual nenhuma objetividade alienante e mortal pode por fim prevalecer.

Gilbert Durand